sexta-feira, 30 de novembro de 2007

SUDÃO "prende" Professora Inglesa.

Dando seguimento ao post colocado no seu blog pela CATI (http://meupequenomundolouco.blogspot.com), veio hoje publicada no jornal 24horas, a decisão do tribunal sudanês. Passo a transcrever a notícia:

A professora inglesa Gillian Gibbons foi ontem condenada, no Sudão, a 15 dias de prisão e a posterior deportação para a Inglaterra.
O tribunal que apreciou o seu processo, na capital do país, Cartum, considerou a docente culpada de insultar e desrespeitar a religião islâmica, bem como incitar ao ódio, por permitir que os seus alunos, de uma classe de 7 anos, dessem a ursos de peluche o nome de Maomé.

"O juíz considerou Gibbons culpada e sentenciou-a a 15 dias de prisão e deportação", disse um dos seus advogados de defesa, Ali Mohammed Hajab.

O caso da professora, que captou "grande interesse" do primeiro-ministro britânico Gordon Brown, termina com uma pena relativamente branda, à luz da Lei que previa, uma sentença de 40 chicotadas e 6 meses de prisão.

(Mais um caso passado no mundo em que vivemos (!?).)

5 comentários:

Luz disse...

E chamavam de ditador ao Salazar...

Beijinho muito grande Joseph

Luz

Sofia disse...

Joseph, só não comento cá, porque já o comentei largamente no blog da Cati... e estou com um bocadito de pressa! De qualquer das formas, só para que saibas, concordo quase plenamente convosco! lol

Beijocas e bom fim de semana!

serenidade disse...

Haverá liberdade de expressão, ou será que no Sudão não sabem o que isso é?

Bom fim de semana

Serenos sorrisos

Cati disse...

Ainda bem que a pena foi branda. Ela foi julgada à lei do país, que nós não compreendemos, é certo, mas aposto que eles foram brandos de forma a não azedar ainda mais as relações com o ocidente.

Obrigada pela referência ao meu blog e pela divulgação do desfecho!

Beijinhos!

manuela disse...

EU JÁ TENHO UM NO MEU BLOG SE QUISER PODE LEVÁ-LO TAMBÉM.
BOM FIM DE SEMANA
MANUELA