quarta-feira, 4 de junho de 2008

Poema erótico...pela noite adentro...!



MEU CORPO, TEU NINHO

A simples lembrança dos teus dedos na minha nuca me arrepia.
Teu cheiro me habita a alma e meu peito, arfante, te quer receber.
Vem me abraçar, vem dormir comigo.
Ajuda-me a apagar do peito esta dor do querer.
A noite se instala em mim.
Lá fora, apenas o silêncio da noite e o teu olhar.

Vem.

Ocupa com teu corpo esse abrigo que te chama.
Volta a ser minha morada, teu abrigo.
Faz de mim tua caverna, teu porto seguro.
Faz do meu corpo, teu ninho.

Atordoada pelas saudades crescentes,
meu corpo todo se ouriça à tua procura.

(Autor desconhecido)

pesquisaNet/joseph

6 comentários:

Andreia do Flautim disse...

Um bom dia para ti!

Tixa disse...

lindissimo.... boa escolha!

Obrigada pelos comentários...
adorei o teu blog!!!

Anónimo disse...

Oi meu novo amigo Joseph.

Viajei em suas imagens de entrada de seu blog.
Amei.
Seus poemas estõ muito chamativos e sensuais.
Voltarei sempre amigo.
Te aguardo no meu cantinho.

Regina Coeli

Deusaodoya.

A Flôr disse...

Boa Noite meu doce Amigo Joseph! :)

Ufa! Mas que poema... acho que está calor!... eheheheh Imagem interessante a ilustrar na perfeição o poema... gostei!

Amigo, fico-Te grato pela tua presença lá no meu canto! :)

Sei que ando ausente, mas não tenho tido tempo... agora arranjei um part-time e felizmente está a dar certo... quando à noite me deito... durmo que nem uma pedra de tão cansada que ando... mas não vos esqueço... NUNCA! Lembro-me de todos vocês nas minhas orações matinais, acredita Amigo, que é mesmo assim! :)

Que tudo de bom a vida te conceda meu doce e querido Amigo.

Mil beijokinhas te deixo, nesta noite em que arranjei um tempinho para vir espreitar de fugida o teu cantinho! :))

Dorme bem e que Deus te proteja Amigo.

Flor

elvira carvalho disse...

Que belo poema. Mas não eram exclusivos da Sexta-feira os poemas eróticos? Sempre se repousa um pouco mais no sábado, não é verdade?
Um abraço e bom fim de semana

Cati disse...

Excelente escolha!